Notícias

01/02/2017
‘COACH’ TERRY LAYTON PRESTARÁ CONSULTORIA À FEDERAÇÃO PAULISTA

Foto: Kiko Ross / ASE
img
O técnico Terry Layton e o presidente da FPB, Enyo Correia
São Paulo, SP – O conceituado técnico Terry Layton prestará consultoria à Federação Paulista de Basketball (FPB) em importantes ações, como as clínicas e eventos similares. O americano, de 69 anos, já tem conhecimento do basquete paulista e brasileiro, já que foi o técnico principal na Clínica Internacional de Basketball, administrada e realizada pela entidade paulista no início de 2016.

“Penso que essa consultoria para a Federação Paulista, que está buscando recursos de auxílio para o crescimento e evolução, tem como primeiro passo ajudar com informações internacionais sobre o basquete. Minha ideia inicial é apresentar aos técnicos conteúdos de prática que podem cooperar na evolução acelerada do basquete paulista e brasileiro, para que se tornem melhores mundialmente”, explica Layton, que venceu mais de 700 jogos na carreira, comandando equipes internacionais e da NCAA (liga universitária americana).

Além desses números positivos, o experiente técnico dirigiu equipes no México, China, Taiwan, Porto Rico, Venezuela e Costa Rica; além da seleção masculina de Trinidad e Tobago e atuou como scout na Summer League da NBA (liga profissional americana).

“Pessoalmente, eu acho que o Brasil tem o melhor recurso humano do mundo, mas precisamos ajudar mais os treinadores brasileiros no trabalho de desenvolvimento dos jogadores para o alto nível internacional. E, estou aqui para contribuir nesse sentido”, complementa Terry.

O presidente da Federação Paulista, Enyo Correia, tem ciência da qualidade do trabalho desenvolvido pelo ‘coach’ Layton, que já passou por 65 países ao longo da vitoriosa carreira.

“É sempre importante para o desenvolvimento da FPB, contar com nomes de qualidade para engrandecer e qualificar ainda mais as nossas atividades. E este auxílio que o Layton nos dará, pela sua competência e larga experiência, será fundamental para o crescimento das nossas ações e, consequentemente, dos nossos filiados”, destaca o dirigente.